Pessoas portadoras de deficiência que inspiram grandes exemplos

0
404

No mundo, existem milhares de pessoas portadoras de alguma deficiência e que foram ou são grandes exemplos de superação na vida.

São pessoas assim que possuem uma história de vida enriquecedora proporcionam os demais uma enorme esperança, valorização e vontade de também superar qualquer que sejam os obstáculos que aparecerem.

Abaixo, listamos algumas destas pessoas incríveis que farão você ver a vida de uma outra forma ao saber um pouco das suas superações.

Frida Kahlo

Frida Kahlo foi uma pintora mexicana renomada de obras que até hoje surpreendem.

Frida Kahlo foi uma pintora mexicana renomada e que a grande maioria de suas pinturas eram autorretratos.Suas obras eram impressionantes e muito coloridas.
Quando tinha 6 anos de idade, a pintora contraiu pólio e como sequela ficou com a perna esquerda mais fina que a outra.
Ela tentava disfarçar por meio de coloridas e longas saias mexicanas.
Alguns especialistas acreditam que ela sofria de espinha bífida, fazendo com que sentisse muitas dores e alterasse a sua forma de andar. A dor era imensa que a pintora chegava a ficar meses em um hospital para se cuidar. De todo modo, nada a impediu de se tornar uma pintora reconhecida mundialmente.

Helen Keller

Helen Keller foi uma grande ativista política, autora e também palestrante.

Helen Keller foi uma grande ativista política, autora e também palestrante.
Ela era portadora de necessidades especiais, já que era cega e surda, porém, isso nunca a impediu de seguir em frente.
Sua professora Annie Sullivan foi uma das responsáveis por sua superação inicial, já que ensinou Helen Keller a se comunicar.
A forma utilizada foi a soletração das palavras por meio das mãos de Hellen e depois entregava para que pudesse sentir o objeto, como por exemplo, uma boneca.
Com o transcorrer dos anos, Helen viajou por trinta e nove países fazendo campanhas contra a guerra, assim como também ministrando palestras sobre o socialismo e os direitos dos trabalhadores.
Portanto, a sua deficiência não foi capaz de prejudicar o futuro de Helen.

Stephen Hawking

Stephen Hawking foi um físico famoso com mais de 40 anos de carreira.

Stephen Hawking foi um físico famoso com mais de 40 anos de carreira.
Os livros publicados por Stephen Hawking possibilitaram que se tornasse um membro da Pontifícia Academia de Ciência e da Sociedade Real de Artes.
Além disso, também ganhou uma das maiores honrarias dos Estados Unidos, isto é, uma Medalha Presidencial da Liberdade.
Quando ainda era estudante universitário em Cambridge, Stephen Hawking apresentou uma doença neurológica denominada de Esclerose Amiotrófica Lateral.
Na época, os médicos disseram que ele não sobreviveria mais que 3 anos e erraram, porém, os movimentos de Stephen foram ficando comprometidos de forma gradual.
Apesar do comprometimento de seus movimentos, a capacidade intelectual permaneceu intacta e durante o período que viveu, fez grandes realizações.

Ludwig Van Beethoven

Um gênio da Música

Beethoven era um gênio da música, desde criança apresentou o dom da musicalidade.
Ele realizou a sua primeira apresentação, quando tinha oito anos de idade, como pianista.
Para aprimorar seus conhecimentos, estudou em Viena e teve como seu mestre, Mozart.
Antes mesmo de completar 20 anos de idade, Beethoven ficou conhecido como um compositor e pianista brilhante, porém, a partir do seu 26º aniversário, foi constatado que estava ficando surdo.
Mesmo sabendo da gravidade do seu problema, Beethoven compôs 6 sinfonias, 1 ópera, 5 quartetos de cordas, 4 consertos solo, 7 sonatas de piano, 6 sonatas de corda, 4 aberturas, 5 conjuntos de variações para piano, 2 sextetos, 4 trios e mais 72 canções.
O período destas composições ficou conhecido como período heroico.

Stephen Wiltshire

Stephen Wiltshire – Um talento vivo

Stephen Wiltshire tem 44 anos de idade e um grande talento, já que consegue pintar uma paisagem após vê-la apenas uma única vez.
Ele é formado em arquitetura e também é autista.
No ano de 2006, Stephen tornou-se membro da Ordem do Império Britânico, assim como também inaugurou uma galeria permanente em Londres, no Royal Opera Arcade.

Deixe um comentário

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, insira seu nome aqui